quarta-feira, 7 de abril de 2010

Sobre esperas

Ela desistiu de esperar. Percebeu que não são dos seus desejos que os fatos se constroem. Há uma linha óbvia a seguir, mas ela nunca foi do tipo de pessoa adepta a obviedades. Sempre preferiu a adrenalina dos caminhos misteriosos. E se acostumou a esperar desses caminhos o contrário dos atalhos, sempre tão monótonos, objetivos e cheios de nada.

Ligava a trilha sonora e caminhava lentamente. Sentia sede de descobertas, borboletas no estômago e amores. Procurava em passos, histórias e vozes um escape pra debruçar-se. E abraçar as quimeras. E lembrar delas com a impressão utópica que tem só quem se apaixona. Porque ela escolheu a inocência suicida em nome dessa bobagem que é se apaixonar.

O que ela quer é obsoleto demais pra um mundo tão moderno onde o que não é fast-food é inadaptável.

Ela quer a breguice que é falar de amor, pensar em amor e querer amor. Quer estar transbordante, mas não ter nada a dizer. Quer o silencio que não incomoda e acomoda corações atletas e agoniados. Ela quer música que lembra. Sussurro que arrepia. Pernas que não ficam mais em pé. Quer a empolgação fútil. Olhos nos olhos, coração na boca e alma querendo dançar.
Ela quer dar sua metade e se sentir completa. Quer respirar tranqüila e inquieta, com todas as antíteses que explodem no peito.


Mas olha só, ela cansou de esperar.

8 comentários:

Raquel disse...

Perfeito, amiga.
Me senti no texto AND contexto! rs
Amo vc, Melhor. :*

ah, amei o layout.

Jacqueline Litwak disse...

Acredito que haverão muitos a se identificar ainda mais os sonhadores. Como de costume belas palavras, ótima organização de pensamentos. Saudade Gema, beijinho.

~ AnaaCaarla disse...

Adoorei o texto, você se expressa muito bem nas palavras e adorei o novo layout *-*
Falar de amor é brega, mas eu amo!
UHAIUAHSU'

Larissa Paizante disse...

Sempre falo isso, sou sua fã haha
Muito lindo, só não digo uma coisa... ^^ vc não vai entender =P
Amo você vizinhaaa

Roberto Borati disse...

mergulha o mais profundo que for, nem que encontre apenas pedras para machucar.

tudo é aprendizado para um dia saber mergulhar em águas calmas e limpas...


ps. muito obrigado pela visita e pelas palavras, afinal estamos na vida para marcar, se não fizermos isso não tem graça alguma. obrigado!

Ana Agarriberri disse...

Que lindo. Tenho medo de cansar de esperar. Acho que já cansei tb. Beeejo. Seguindo. Quando quiser passa lá no Molhe-se.

Tassyane disse...

Raíssa,
Adorei o que escreves.
Pena que não consigo seguí-la, dá erro. Mas deixo aqui um comentário dizendo que, volto sempre!

Mariana disse...

"Ela quer a breguice que é falar de amor, pensar em amor e querer amor."
Quando eu crescer quero ser igual a você haha